home-banner-2021-v2

NÃO VAMOS MAIS NOS CALAR

Por primeiro antes de abordar o que de fato é a narrativa da presente contextualização, faço algumas introduções de conceitos os quais serão utilizados no decorrer deste, o que o nosso "regulamento" ou dicionário nos traz como seguintes significados de INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL: projeto e desenvolvimento de programas de computador que simulam o pensamento humano, capaz de desenvolver um comportamento inteligente, também menciono os aspectos resumidos de OFENSA : palavra que atinge alguém na sua honra, na sua dignidade; injúria, agravo, ultraje, afronta, e ASSÉDIO: Insistência impertinente, em relação a alguém, com declarações, propostas, pretensões. Palavras que entraram em pauta quando nos foi apontado através de uma metodologia instrutiva de ensino (comercial) de como as inteligências artificias vem sofrendo com esses grandes problemas. Trazendo para a vivência prática, não podemos deixar de mencionar as inteligências interativas e com função de assistentes virtuais que nos auxiliam desde de uma compra até uma tratativa bancária (Aurea e Bia).

Leia mais:NÃO VAMOS MAIS NOS CALAR

Matheus Araújo dos Santos

ISSN 1981-1578

Editores: 

José Maria Tesheiner

(Prof. Dir. Proc. Civil PUC-RS Aposentado)

Mariângela Guerreiro Milhoranza da Rocha

Prof. da graduação em direito da IMED

back to top