home-banner-2021-v2

O que é a sociedade consumocentrista?

Na atualidade, a sociedade de consumo se molda numa estrutura consumocentrista. Essa sociedade consumocentrista se perfaz no fato de que "o consumo se coloca no centro de todas as decisões que envolvem o indivíduo, pois o mesmo perde sua identidade como ser que participa das decisões sociais para se transformar (apenas) em consumidor heteronomamente guiado". (PEREIRA; CALGARO; PEREIRA, 2016, p. 267).

Compreende-se que há uma superação da sociedade hiperconsumista, dando ensejo a uma sociedade consumocentrista. Nesse aspecto, o consumo passa a ser o elemento basilar das atividades humanas, deslocando o ser para o ter e, posteriormente, para o aparentar" (PEREIRA; CALGARO; PEREIRA, 2016, p. 267). O consumidor aparenta ter e ser o que não é e o que não tem nessa sociedade, a fim de ser aceito pelo padrão imposto. Assim sendo, "o consumo se torna o centro da sociedade contemporânea, onde o consumidor vai buscar todas as possibilidades de sua nova razão de viver. Consumir é existir" (PEREIRA; CALGARO; PEREIRA, 2016, p. 267).

Com base nessa lógica os sujeitos acabam integrando as formas hiperconsumista a sua vida e aos seus hábitos, moldando os seus padrões e seu convencimento. O consumocentrismo se toma o "Deus" do momento que tudo provê e permite. De acordo com essa análise "se o sujeito não participa desse "jogo já jogado" da sociedade consumocentrista, será excluído e dessubjetivado, o que para o sujeito é a "morte social". A dessubjetivação do sujeito, ou seja, é o apagamento da subjetividade. Na questão referente ao consumo a dessubjetivação é a objetificação do sujeito". (CALGARO; PEREIRA, 2016, p. 66).

Dessa maneira "a vida do sujeito, conforme já se vem explicando, acaba girando em torno do consumo tornando-se, este, parte fundamental do sujeito, fazendo com que a degradação ambiental seja mais frequente e o desinteresse pela sociedade e suas questões sociais seja mais frequente". (CALGARO; PEREIRA, 2016, p. 66). Dessa forma, o "sujeito acaba esquecendo-se de quem é e acaba se confundindo com o objeto de consumo. (CALGARO; PEREIRA, 2016, p. 66). O sujeito acaba vivendo uma vida moderna achando que possui o rumo da mesma, mas não percebe o quanto é adestrado e docilizado pelas formas do consumocentrismo. A moda, a vida, a cultura e etc. é adaptada por essa sociedade que impõe seus padrões aos consumidores. Padrões esses que são de felicidade e luxo trazidos pelo capitalismo.

Por isso é preciso repensar a forma de vida que se possui na sociedade consumocentrista atual, a fim de não permitir que o hábito se instaure e que não haja questionamentos dos problemas trazidos pela mesma.

Referências.

CALGARO, Cleide. PEREIRA, Agostinho Oli Koppe. A sociedade consumocentrista e seus reflexos socioambientais: a cooperação social e a democracia participativa para a preservação ambiental. 2016. Revista de Direito, Economia e Desenvolvimento Sustentável. Curitiba. v. 2. n. 2, p. 72 – 88. Jul/Dez. 2016.

PEREIRA, Agostinho Oli Koppe; CALGARO, Cleide; PEREIRA, Henrique Mioranza Koppe. Consumocentrismo e os seus reflexos socioambientais na sociedade contemporânea. Revista Direito Ambiental e Sociedade, v. 6, p. 264-279, 2016.

[1] Cleide Calgaro - Pós-Doutora em Filosofia e em Direito ambos pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUCRS. Doutora em Ciências Sociais na Universidade do Vale do Rio dos Sinos - UNISINOS. Doutora em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUCRS. Doutora em Direito pela Universidade de Santa Cruz do Sul – UNISC. Atualmente é Professora da Graduação e Pós-Graduação - Mestrado e Doutorado - em Direito na Universidade de Caxias do Sul - UCS. É Líder do Grupo de Pesquisa "Metamorfose Jurídica" vinculado a Universidade de Caxias do Sul-UCS. Orcid: https://orcid.org/0000-0002-1840-9598. CV: http://lattes.cnpq.br/8547639191475261. E-mail: ccalgaro1@hotmail.com

CALGARO, Cleide. O que é a sociedade consumocentrista?. Revista Páginas de Direito, Porto Alegre, ano 21, nº 1518, 01 de junho de 2021. Disponível em: https://www.paginasdedireito.com.br/colunistas/cleide-calgaro/8549-o-que-e-a-sociedade-consumocentrista

Compartilhe no:

Submit to FacebookSubmit to Google BookmarksSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Categoria: Cleide Calgaro

ISSN 1981-1578

Editores: 

José Maria Tesheiner

(Prof. Dir. Proc. Civil PUC-RS Aposentado)

Mariângela Guerreiro Milhoranza da Rocha

Prof. da graduação em direito da IMED

back to top